Sou estúpido...Hoje ainda te amo

Hoje quase me afoga o nó na garganta que a muito tento conter, sem êxito me sinto obrigado a falar, palavras que ontem já prometi esquecer. Mesmo me sentindo culpado, com raiva ou assim, vai me crescendo um riso frouxo, aquele que outrora deixou-se plantado no canto do meu rosto. Hoje quase me desfaço de tanta ansiedade, coisa que não vi dias antes, quando era apenas Eu sem essa mensagem na mão dizendo que estás chegando. Meio enraivado e surpreendido com uma porção de vontade de vingança e outra de esquecer tudo e te esperar lá na praça na hora escrita, não sei. Hoje não me reconheço, meu eu vermelho se sente fraco, mas o branco também se sente vencido,sinto-me tão estúpido, pois parece que não consigo ser homem o suficiente pra te esquecer, não consigo perder essa vontade incompreensível de te perdoar, sinto-me tão distante da minha natureza, tão longe das minhas grandezas, Homem, Forte, Imbatível, enfim , hoje estou numa imensidão de imensas dúvidas onde a única certeza que tenho é que surpreendentemente 

"Ainda Te Amo"