Imploro um novo começo

Oh vida! vida por mim vivida nessa avenida, ora sofrida, outras só alegria. Te imploro um novo começo, ouça meu grito de angústia por falta harmonia na canção da minha vida.

Oh vida! vida minha, vida D'ele , vida de qualquer outro ser, ouça minha cansada súplica , venha, me transforme, me dê vida, mas outra. Uma que meu sofrer não seja alegria pra ninguém, que meu torturado corpo não seja o quadro preferido de ninguém, que o que eu faço seja reconhecida, que meu ar seja sentido e que meu existir faça faça sentido também, vida!

Imploro um novo começo para meus dias, para minha alegria , que me visite a primavera, que me desgrude a quimera, de que a muito sou preza, que o raiar do sol seja apreciado e aplaudido seu espectáculo.

Imploro um novo começo para o fim que vivo...